• Pedro Santtos

Saiba o que pode acontecer com sua pele ao usar primer!

Atualizado: Jul 9



Amigaaaa, tá usando primer?! Se não, USE!


O primer é um ótimo complemento na maquiagem e serve também para o dia a dia!

A aplicação do primer deve ser feita após a higienização do rosto tá?! Se quiser aplicar um tônico facial antes de aplicar o primer, melhor ainda, se joga! Com o primer você pode proteger sua pele, você pode hidratar sua pele, você pode reduzir os poros dilatados, você pode suavizar a pele, simplesmente você pode!


No mercado tem vários tipos de primers: tem em gel, tem em líquidos, tem em cremes, tem primers à volonté!


Quando você chega na loja e ver que tem até primers coloridos não se espante, não é necessário que você compre todos! Stop, antes que jogue dinheiro no ralo!



Os primers incolor são para todas as peles, já os coloridos têm uma função complementar e são opcionais. Anota aí para não se confundir:


Rosa claro: ameniza a aparência de manchas de sol e olheiras mais suaves e dar aquele “toquezinho de saúde” para as peles mais pálidas.


Marrom: para pele escura serve como corretivo e para peles claras server como contorno.


Verde: ela ajuda a disfarçar as manchinhas avermelhadas de espinhas e as rosáceas.


Rosa: disfarça espinhas com pus, manchas amareladas e tons amarronzados. Esqueça as manchas, confie no rosa!


Alaranjado: suaviza as olheiras e as manchas mais escuras.


Branco: além de hidratar, ele dá um efeito glow (iluminado) na pele.


Amarelo: ajuda a disfarçar hematoma e olheiras arroxeadas.


Lilás: ideal para quem tem fundo de pele amarelado e para as orientais, pois neutraliza o tom da pele.


Meninaa! O primer é tão legal, que se você quiser usar no dia a dia e sem maquiagem ele também serve! Mas como recomendado pelos dermatologistas, nunca durma com o primer no rosto, querendo ou não ele é um produto de maquiagem e não um tratamento de pele como os séruns, hidratantes e tudo mais!


Fica aí a minha dica, até logo! Vamos arrasar together! bjs

0 visualização

© 2020 Copyright Pedro Santtos | Credits